domingo, dezembro 03, 2006

Saudade

Hoje meu velho faria 60 anos. É o segundo ano que não tenho pra quem ligar neste dia. Saudade, pai!

2 comentários:

Anônimo disse...

Certa vez contei não sei pra quem que só quando eu conheci sua família foi que entendi sua ansiedade de voltar quase todo final de semana pra casa. Seu pai era realmente uma pessoa espetacular. Lembro da última vez que o encontrei, quando passamos lá no Arroio para almoçar com vocês no caminho para o Reveillon no RS. Era o mesmo que eu conhecera 10 anos antes. Até hoje lembro dele toda vez que faço ou como paçoca de amendoim. Grande Cláudio.
Marcelo

ph disse...

O mesmo vale para a tua família, não é mesmo, meu amigo? Seu Jorge e dona Glória souberam como criar os filhos. Ah, e naquela época eu tinha namorada lá, lembra? :)
abração