quarta-feira, julho 16, 2008

Petralhas são contra investigação da PF

Algumas (para não dizer muitas) coisas não fazem sentido neste episódio todo da prisão de Daniel Dantas. Os críticos do ministro Gilmar Mendes, por ter mandado soltar Dantas por duas vezes, estão sendo acusados de "petralhas". Seriam petistas revanchistas tentando fazer a luta de classes pela via judiciária. Dantas deveria mofar na cadeia para vingar a exploração da "classe trabalhadora" pela "zelite".

Engraçado. A mim ocorre justamente o contrário. As investigações não foram abafadas para impedir que chegassem ao Planalto e a outros gabinetes importantes da República? Ora, nesse caso, quem está contra a investigação está a favor de Lula. "Petralha", mesmo, é quem defende a libertação de criminosos só porque usam colarinho branco. É cristalino.

É claro que houve excessos na tal de Satiagraha - assim como houve em todas as outras. Não gosto do espetáculo, também. Mas, como diriam os "adevogados" é preciso discutir o mérito da questão. A Veja desta semana lista 20 escândalos dos governos FHC e Lula nos quais Dantas teve participação. Dantas não tem lado, não tem partido. Seu partido é o dinheiro - sujo, de preferência. Isso é jornalismo sério. Não fica escondendo informação só para dizer que o Lula é a razão de todos os males "defepaiff". Como os próprios petistas alegaram no escândalo do mensalão, eles são só mais alguns entre os bandidos da alta sociedade.

Um comentário:

Ilton disse...

Pois é, PH. Exatamente por suas ações tanto sob (ou no) FHC quanto no governo Lula é que ele é uma unanimidade negativa. Todos se calam. Ninguém se compromete. E o HD apreendido, que ninguém abre? Obrigado pela visita e forte abraço.