quarta-feira, março 28, 2007

Enfim, vida inteligente...

... nos estudos sobre jornalismo! Sai pra lá, teoria crítica! O último prego no caixão da turma de Frankfurt.

2 comentários:

marcelo soares disse...

Esse estudo veio de um economista. As faculdades de jornalismo nem sonham com isso, infelizmente...

Se bem que lá tem aquela vertente do Meyer, imensamente valorizada.

Maurício Tuffani disse...

Olá Paulo Henrique, acho ótimo que iniciativas como essa, apontada pelo Castilho, surjam nos estudos sobre mídia. Não sou um entusiasta da Teoria Crítica, mas não creio que ela seja a responsável pela indigência intelectual reinante na área. Tenho visto, na verdade, muita pobreza também do lado dos que se limitam às muletas dos modelos matemáticos. No fim, é o tal abismo entre as duas culturas, de que falava C.P. Snow, mas que infelizmente o pessoal das humanidades entende como necessidade a se superada só pelo pessoal das ciências naturais. Abraço.